Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

As crianças do Palacete

Durante toda a semana que contou com a mais do que inspiradora festa de Iemanjá, tivemos muitas surpresas e emoções. Os atores revelaram-se artistas plásticos em potencial e algo, no mínímo sobrenatural, aconteceu na quinta-feira (mas sobre isso é melhor nada dizer). Na sexta, o clima foi mais leve com uma série de jogos e no sábado... O Palacete das Artes. Logo que cheguei ao Palacete das Artes na tarde de sábado passado, confessei a alguns colegas que essa terceira intervenção d'A Outra Companhia seria a que mais gostaria de fazer. E, ao final, tive plena certeza do que havia previsto. Tanta certeza que fico na dúvida entre dizer se poucas pessoas foram assistir ou se muitas pessoas perderam o que aconteceu ali.
Cada ator teve um tema para desenvolver, durante a semana, seus espaços. Júnior ficou com tempo, Eddy com pescador, Jef com mar, Manu com sonho, Indaiá com mulher e Buranga com religião. Ao chegarem no Palacete, organizaram uma fileira (que, em breve vocês provavelmente verão em alguma foto a ser postada) constituída pelos espaços justamente na ordem exposta acima, indo do tempo até religião. Esse deveria ser o caminho a ser percorrido por eles.
Após terem arrumado os espaços, porém antes de os atores se vestirem para dar ínicio aos trabalhos, duas crianças filhas de um funcionário do local começaram a se aproximar para observar aquele caminho. Cheguei perto delas e comecei a explicar o que estava para acontecer. Crianças...
... eram assim que pareciam os atores durante o percurso. Uma longa parada no baú do tempo, recheada de abraços; um jogo de "eu levo" na parte do pescador; a felicidade no estouro das bolinhas do plástico bolha no mar; a melança de tinta e o jogo de preencher o outro de almofadas no sonho; o momento de brincar de ser alguém famoso e fingir estar no carnaval da Bahia na mulher e a resignação obediente (como fazem as crianças ao ouvirem a bronca dos pais) na religião. Sim, as flores do MAM agora eram as crianças do Palacete.
Pena que eu fiquei de fora.

Seja o primeiro a comentar

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO